O PROFISSIONAL/A PROFISSÃO

Os computadores tornaram-se indispensáveis nas instituições, e está se tornando um recurso cada vez mais presente nos lares. Como conseqüência, tanto o software quanto o hardware dos sistemas de informática necessitam cada vez mais de profissionais devidamente habilitados. O profissional deve ter um espírito empreendedor que lhe permita conceber, criar e concretizar projetos de tratamento de informação, consciente da sua função na sociedade e de acordo com valores éticos. Dessa forma, o profissional egresso do curso poderá contribuir para a eficiência gerencial nas organizações, por meio do armazenamento, da recuperação, da distribuição e da disponibilização de dados para apoiar a tomada de decisões, bem como subsidiar usuários na análise de problemas, na criação de produtos e serviços, na visualização de mercados potenciais.

PERFIL DO PROFISSIONAL

O profissional formado em Sistemas de Informação na FEIT UEMG deve ter condições de assumir um papel de agente transformador do mercado, sendo capaz de provocar mudanças através da incorporação de novas tecnologias na solução dos problemas e propiciando novos tipos de atividades.

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA FEIT UEMG

O curso tem duração de quatro anos. Entre as disciplinas do currículo há estatística, fundamentos de programação, noções de cálculo, arquitetura de computadores, economia, direito e legislação, multimídia, redes de computadores, estágio supervisionado, entre outras. Os alunos contam com oito laboratórios de informática com média de 20 máquinas em cada um.

CENÁRIO DO MERCADO DE TRABALHO

O mercado de trabalho é imenso. O profissional poderá atuar tanto em empresas públicas e particulares quanto de maneira independente, além de poder optar pelo mundo da pesquisa. O profissional em Sistemas de Informação é cada vez mais procurado por indústrias, bancos,comércio, hospitais e na prestação de assessoria e consultoria a empresas de pequeno e médio porte. Entre 50% e 75% do mercado de trabalho na área de computação são para profissionais do curso de Sistemas de Informação.

Informações importantes

1-CARACTERIZAÇÃO DO CURSO:

Denominação do curso: Curso de Sistemas de Informação

Título que confere: Bacharel em Sistema de Informação

Área: Ciência da Computação

Regime de matrícula: anual

Ato de Reconhecimento/Renovação: 14 de setembro de 2005

Duração: 4 anos

Tempo de integralização: mínimo de 4 anos e máximo de 7 anos

 

2- ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO

                                                                                    A partir de 2008

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - BACHARELADO

 

DISCIPLINAS

Conteúdos curriculares

1ª Série

 

Expressão em Língua Portuguesa

72

Filosofia e Ética

72

Fundamentos de Programação

144

Fundamentos de Sistemas de Informação

108

Geometria Analítica e Álgebra Linear

108

Inglês Instrumental

72

Metodologia Cientifica

72

Noções de Calculo

144

Organização de Computadores

72

Total

864

2ª Série

 

Administração

72

Arquitetura de Computadores

72

Contabilidade e Custos

72

Engenharia de Software I

72

Estatística

72

Estrutura de Dados

144

Linguagem de Programação I

108

Lógica e Matemática Discreta

108

Programação Orientada a Objetos

108

Teoria Geral de Sistemas

72

Total

900

3ª Série

 

Banco de Dados

108

Economia e Finanças

72

Engenharia de Software II

72

Gestão de Informação

72

Linguagens de Programação II

144

Modelagem e Avaliação de Desempenho

72

Redes de Computadores

72

Sistemas Operacionais

108

Técnicas e Linguagens de Programação para WEB

72

Optativa

108

Total

900

4ª Série

 

Computação Gráfica e Multimídia

72

Computadores e Sociedade

72

Direito e Legislação

72

Empreendedorismo e Empresa Simulada

72

Gerencia de Projetos e Desenvolvimento de Sistemas

72

Interface  Usuário - Maquina

108

Projeto de Conclusão de Curso

72

Segurança e Auditoria de Sistemas

72

Sistemas de Informações Integrados

108

Optativa

108

Total

828

Especificações da Carga Horária

Carga Horária dos Conteúdos Curriculares

3.492 h/a

Estagio Supervisionado

160 h/a

Atividades Acadêmicas complementares

68 h/a

Total Geral                                                                                                     3.720 h/a

OBS.: 3720 h/a correspondem a 3.100 horas

 

Disciplinas Optativas

Computação Móvel  (3º ou 4º)

Data Warehouse e Datamining (4º)

Informática na Educação (3º ou 4º)

Inteligência Artificial (3º ou 4º)

Língua Brasileira de Sinais- LIBRAS

Marketing (3º ou 4º)

Processamento Digital de Imagens ( 3º ou 4º)

Programação Distribuída e Concorrente  (4º)

Programação Linear  ( 3º ou 4º)

Tópicos Avançados em Linguagens  ( 3º ou 4º)

Tópicos Avançados em Arquitetura de Computadores  ( 3º ou 4º)

Tópicos Avançados em Bancos de Dados  (4º)

Tópicos Avançados em Redes  (4º)

Tópicos Avançados em Engenharia de Software  ( 4º)

Tópicos Especiais  ( 3º ou 4º)

     

  

 

 

3-QUALIFICAÇÃO DOS PROFESSORES

 

Professor

Titulação

Disciplina

Adriana de Souza Guimarães

Mestrado

Engenharia de Software II

Lógica e Matemática Discreta

Segurança e Auditoria de Sistemas

Anderson de Melo Valadão

Mestrado

Estágio Supervisionado

Fundamentos de Sistemas de Informação

Gestão de Informação

Sistemas de Informações Integrados

Carlos Antunes De Queiroz Junior

Mestrado

Computação Móvel

Clayton Humberto de Freitas

Especialização

Computação Gráfica e Multimídia

Engenharia de Software I

Projeto de Conclusão de Curso

Técnicas e Linguagens de Programação para Web

Domingos Sávio Gonçalves

Especialização

Administração

Fabiana da Silva Santos Franco

Especialização

Teoria Geral dos Sistemas

Flavio Eurípides de Oliveira

Especialização

Fundamentos de Programação

Redes de Computadores

Tópicos Avançados em Redes

Ilton Rosa de Sousa

Mestrado

Geometria Analítica e Álgebra Linear

Ione Marta Franco Pereira

Especialização

Inglês Instrumental

Janicy Domingues de Oliveira Garcia

Mestrado

Noções de Cálculo

Léa de Souza Guimarães

Graduação

Metodologia Científica

Lúcio Marcos Cristaldo

Mestrado

Economia e Finanças

Márcio da Silva Maciel

Especialização

Linguagem de Programação II

Márcio Oliveira da Costa

Especialização

Filosofia e Ética

Marco Túlio Faissol Tannús

Mestrado

Bancos de Dados

Natal dos Santos Soares

Especialização

Contabilidade e Custos

Nicolina de Melo Pereira

Especialização

Direito e Legislação

Rita de Cássia David das Neves

Mestrado

Organização de Computadores

Sistemas Operacionais

Rogério Moreno da Silva Novo

Especialização

Programação Orientada a Objetos

Romeu Toffano Junior

Mestrado

Arquitetura de Computadores

Saulo De Moraes Garcia Junior

Mestrado

Linguagem de Programação I

Sonia Maria Pereira Maciel

Mestrado

Expressão em Língua Portuguesa

Suely Sonia de Oliveira

Especialização

Computadores e Sociedade

Tiago Baciotti Moreira

Especialização

Gerencia de Projetos e Desenvolvimento de Sistemas

Interface Usuário-Máquina

Vanderli Anacleto de Campos

Especialização

Estatística

Walteno Martins Parreira Júnior

Especialização

Empreendedorismo e Empresa Simulada

Estrutura de Dados

Modelagem e Avaliação de Desempenho

 

 4- RECURSOS DISPONÍVEIS

 

    - O curso dispõe de:

 

    . 4 salas amplas, bem iluminadas e arejadas

    . 3 auditórios

    . 2 salas de multimeios

    . 1 biblioteca central

    . 6 laboratórios de Informática

    . 1 laboratório de rede de computadores

    . 1 laboratório de projeto de conclusão de curso

 

 

  5-SISTEMA DE AVALIAÇÃO

 

         O sistema de avaliação do curso segue as normas regimentais do Instituto, no Capítulo II, do Título VI que trata da Verificação do Rendimento Escolar:

 

 DA VERIFICAÇÃO DO RENDIMENTO ESCOLAR

 

Art. 108. O rendimento escolar do aluno em cada disciplina, será verificado em função da assiduidade e eficiência nos estudos, ambas eliminatórias por si mesmas.

 

Parágrafo Único - Está impedido de prestar exame final, o aluno que tenha faltado a 25% das atividades programadas na disciplina ou que não tenha obtido o mínimo de 40 pontos dos 100 pontos distribuídos durante o semestre ou ano letivo.

 

Art. 110.  Entende-se por eficiência no regime anual o grau de aplicação do aluno ao estudo e sua verificação se fará:

I-  por no mínimo duas avaliações específicas por  semestre,  sendo que o valor de cada uma não poderá exceder a 15 pontos;

II - por uma prova semestral cujo  valor será de 20 pontos;

                III- por  um exame final escrito,  após o encerramento do período letivo.

 

§ 1º - Serão distribuídos 50 pontos a cada semestre e 100 pontos no exame final, sendo aprovado na disciplina:

I -  o  aluno que obtiver o mínimo de 70 pontos durante o ano letivo;

               II- o aluno que obtiver média simples igual ou superior a 50 pontos, como   resultado da média aritmética, do total de pontos obtidos durante o ano letivo e a nota do exame final.

 

§ 2º  - Para se submeter ao exame final o aluno deverá ter alcançado no mínimo 40 pontos dos 100 pontos distribuídos  durante  o ano letivo. 

 

Art. 111. Ao aluno que deixar de comparecer a qualquer prova, trabalho ou exame programado será conferida nota zero, como resultado conseqüente.

 

Art. 112. Avaliações substitutivas deverão ser requeridas no prazo de cinco dias, para os casos previstos em lei.

                § 1º - Outros casos serão analisados pelo Conselho de Coordenações.

 

                § 2º - Não haverá prova substitutiva da segunda avaliação semestral.

 

Art. 113. Não haverá, em nenhum caso, arredondamento de notas ou de médias, sendo estas calculadas até a segunda decimal.

              Parágrafo Único – No prazo de dois dias a contar da data de divulgação dos resultados, será facultado ao aluno requerer verificação da prova, seus resultados, soma de pontos e apuração da média. 

 

Art. 114. São asseguradas ao professor, na verificação do rendimento escolar, e de acordo com a programação específica, liberdade de formulação de questões e austeridade de julgamento, cabendo recurso de suas decisões  ao respectivo colegiado.

 

 Art. 115. Estará automaticamente reprovado na disciplina o aluno que não tenha freqüentado o mínimo de 75% das atividades programadas ou que nela não tenha obtido o mínimo de 40 pontos no regime semestral ou anual. 

 

 Art. 116. As avaliações versarão sobre matéria lecionada no respectivo período letivo e o exame final versará sobre matéria lecionada durante o semestre no regime semestral e durante o  ano letivo para  o regime anual.

 

Art. 117. Os professores disporão do prazo de três dias úteis para entregarem à Secretaria Geral do Instituto os resultados do semestre e dois dias úteis para o exame final.

Parágrafo Único – A apuração de freqüência e lançamento do conteúdo programático deverão ser entregues à Secretaria Geral do Instituto, a cada bimestre, no último dia útil de cada disciplina.